Home / MMA / Destaques - MMA / Plantão USADA !! Demente e Omielanczuk são notificados; Islam Makhachev tem suspensão removida

Plantão USADA !! Demente e Omielanczuk são notificados; Islam Makhachev tem suspensão removida

Ricardo Demente

hyhh

Ricardo Demente (Foto: UFC)

Ex-participante do TUF Brasil 3, Ricardo “Demente” Abreu (5-1) recebeu uma notificação sobre uma possível violação da Política Antidoping da USADA. O lutador teria sido pego num exame realizado fora do período de competição, e o nome da substância ilegal não foi divulgado. Demente não luta desde junho de 2015 quando sofreu a primeira derrota de sua carreira para o americano Jake Collier.

 

 

 

 

Daniel Omielanczuk

Daniel Omielanczuk (Foto: UFC)

Daniel Omielanczuk (Foto: UFC)

Da mesma forma que Demente, o polonês Daniel Omielanczuk (18-5-1, 1 NC) foi notificado sobre uma possível violação da Política Antidoping da USADA, mas o seu caso tem uma diferença. A substância encontrada em seu corpo é chamada Meldonium, e devido a questões contínuas sobre a droga, o lutador não recebeu nenhuma suspensão provisória.

A substância foi colocada na lista probida da Agência Mundial Anti-Doping (WADA) no primeiro dia do ano, porém ainda não está claro quanto tempo a substância permanece no sistema de uma pessoa, sendo assim é possível que Omielanczuk tenha tomado a substância antes dela ser banida. Há dúvidas também se o Meldonium é ou não é um potenciador de desempenho.

Omielanczuk está com luta marcada para o dia 13 de julho quando enfrentará o ucraniano Alexey Oleinik, e o combate continua de pé.

 

Islam Makhachev

Islam Makhachev (Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)

Islam Makhachev (Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images)

O caso do russo Islam Makhachev (12-1) é diferente, mas também envolve o Meldonium. Makhachev enfrentaria Drew Dober no UFC on FOX 19, mas foi retirado do combate um dia antes do evento após ser flagrado num exame antidoping. A substância encontrada em Makhachev foi justamente o Meldonium. Howard Jacobs, advogado do lutador, argumentou que seu cliente passou por uma cirurgia no coração em 2014 e a susbtância proibida teria sido prescrita por um médico. A USADA recebeu a documentação adequada do médico de Makhachev, e decidiu retirar a suspensão provisória do lutador. Makhachev está livre para lutar, mas a USADA continuará a investigar o seu caso.

 

 

 

 

Para ficar por dentro das principais notícias do mundo da luta, siga nossos perfis no Twitter e Instagram, e curta também a nossa página oficial no Facebook.