Home / Competições / Mundial 2018 – Quinze faixas roxas para se assistir no Mundial

Mundial 2018 – Quinze faixas roxas para se assistir no Mundial

Na próxima quarta, os olhares de todos os amantes de Jiu-Jitsu se voltarão para a Walter Pyramid, em Long Beach – Califórnia. O Mundial de Jiu-Jitsu da IBJJF chega a sua vigésima terceira edição cada vez mais bem posicionado como a principal competição do ano. Mesmo sem oferecer premiação em dinheiro, os atletas sabem que conquistar um título da IBJJF abre muitas portas para seminários ao redor do mundo e negociação de patrocínios.

Nos últimos anos, as lutas entre faixas roxas têm apresentado um ótimo nível técnico e muitas finalizações. Basta lembrar da campanha de Jonnatas Gracie, que venceu o peso leve e o absoluto após derrotar os três medalhistas do pesadissimo em sequência. O BJJForum listou (Com muita dificuldade, pois é difícil listar só quinze atletas) quinze atletas que prometem ótimas lutas nesse Mundial.

Johnatha Alves (Atos – AOJ)

Categoria: Leve

Instagram: @johnatha

Com um Jiu-Jitsu finalizador e com muita pressão, Johnatha Alves é mais um excelente atleta sob a supervisão dos Irmãos Mendes. No ano passado, Johnatha foi campeão na faixa azul finalizando todas as lutas. Esse ano, o atleta da AOJ repetiu o feito no Pan, derrotando o também ótimo Guthierry Barbosa, em apenas um minuto de luta. Entre o público, Johnatha é favorito ao ouro na categoria leve.

2 – Thalison Soares (PSLPB Cícero Costha – Unity)

Categoria: Galo

Instagram: @thalisonsoaresjj

Desde o juvenil, Thalison chamava atenção por conta do seu Jiu-Jitsu. Apelidado de “Novo Miyao” por conta da semelhança física, Thalison não se restringiu apenas ao aspecto físico, e provou no tatame a sua habilidade. Ano passado, Thalison venceu todas as competições que disputou e esse ano vem repetindo o feito. Medalha de ouro no Europeu, Pan, World Pro, Brasileiro e em diversos Opens e etapas de Grand Slam. Thalison é favorito ao ouro na categoria galo.

3 – Gabrielli Pessanha (Infight)

Categoria: Feminino Super-pesado

Instagram: @gabrieli_pessanha

Reinando absoluta no feminino, Gabrieli Pessanha chega ao Mundial visando unificar o Grand Slam na faixa roxa. A aluna de Márcio de Deus venceu as três competições mais importantes da IBJJF, unificando a categoria e o absoluto. Caso conquiste os dois ouros no Mundial, Gabrieli escreverá seu nome na história do Jiu-Jitsu,

4 – Conner DeAngelis (Atos – André Galvão)

Categoria: Pesado

Instagram: @dc_deangelis

Campeão Europeu e campeao peso e absoluto do Pan, Conner DeAngelis surge como uma das promessas dos EUA para o futuro. Com um jogo forte tanto por cima, quanto embaixo, o aluno de André Galvão aparece como um dos contenedores mais fortes no absoluto desse ano. Será que Conner DeAngelis repetirá o feito de Keenan Cornelius na faixa roxa?

5 – Wallace Costa (GFTeam)

Categoria: Pesadíssimo

Instagram: @wallacecostajj

Wallace Costa surge como mais um talento da equipe GFTeam. Wallace começou a treinar Jiu-Jitsu com Gabriel Marinho na Academia Pro Combat, que revelou nada mais, nada menos que Rodolfo Vieira. Morando em Toledo, no estado americano de Ohio, Wallace intensificou a preparação e a mudança de ares surtiu efeito. O atleta da GFTeam conquistou o Pan desse ano. Com um jogo de muita força, ele surge como um dos principais nomes no pesadíssimo.

6 – Meyram Maquiné (Guigo Jiu-Jitsu – Team Lloyd Irvin)

Categoria: Pluma

Instagram: @meybjj

Com um ótimo retrospecto no juvenil e uma estreia avassaladora no adulto, Meyram Maquiné surge como um dos principais nomes do Peso Pluma. Descoberto e treinado por Alcenor Alves, Meyram se desenvolveu sob a tutela de Luiz Guilherme “Guigo” na Guigo Jiu-Jitsu. No último Pan, Meyram derrotou nomes como Andy Murasaki e Daniel Júnior, conquistando o ouro no Peso Pena.

7 – Pedro Machado (Gordo Jiu-Jitsu / 4:30 Rabicó School)

Categoria: Meio-Pesado

Instagram: pedromachadooo

Campeão peso e absoluto na faixa azul no ano passado, Pedro Machado manteve a rotina de conquistas na faixa roxa. Só esse ano, o atleta da Gordo Jiu-Jitsu conquistou o Pan, o World Pro e o ACBJJ South American Open. Com um jogo finalizador e justo, Pedro Machado surge como um dos favoritos ao ouro no Meio-Pesado.

8 – Ronaldo Júnior (Atos – André Galvão)

Categoria: Médio

Instagram: @rjbjj

Ronaldo Júnior é mais um atleta da Atos Headquarters que vem se destacando no cenario do Jiu-Jitsu. Natural de Teresópolis, no Rio de Janeiro, Ronaldo começou sua trajetória na Academia Pitbull, que lançou nomes como Delson Pé de Chumbo (Campeão Mundial de Jiu-Jitsu em 2002). Em meados de 2017, Ronaldo se juntou ao time de André Galvão e seguiu conquistando medalhas de ouro. No último Pan, fechou o absoluto com o seu companheiro de equipe, Conner De Angelis.

9 – Lucas Gualberto (Alliance)

Categoria: Médio

Instagram: @lucasgualberto1

A tradicional equipe Alliance vem representada nessa lista pelo peso médio Lucas Gualberto. Campeão Pan-americano e campeão brasileiro, Gualberto surge como um forte candidato ao ouro no Mundial. Além disso, o aluno de Michael Langhi e Mário Reis costuma se aventurar nos Absolutos, conquistando bons resultados, como no Brasileiro desse ano, onde ficou em terceiro lugar no absoluto.

10 – Diego “Pato” Batista (PSLPB Cícero Costha)

Categoria: Pluma

Instagram: @diegopatojj

Bastante ativo no cenário de competição, Diego Pato surge como integrante do primeiro pelotão dos pesos plumas. Em 2018, o atleta da Cícero Costha conquistou o ouro do Europeu e do Brasileiro de Jiu-Jitsu, além do ACBJJ European Open e diversas etapas do Abu Dhabi Grand Slam.

11 – Wilson Moreira Costa (PSLPB Cícero Costha – Unity)

Categoria: Leve

Instagram: @wilsonmoreiracostajr

Em busca do bicampeonato mundial na faixa roxa, Wilson Moreira Costa retorna a sua categoria de origem nesse mundial. No ano passado, o atleta da Cícero Costha conquistou o ouro entre os super-pesados. Em 2018, Wilson conquistou o ouro no Pan

12 – Andy Thomas Murasaki (Atos – André Galvão)

Categoria: Pena

Instagram: @andymurasaki

Em seu primeiro ano como faixa roxa, o nipo-brasileiro Andy Murasaki vai em busca do seu primeiro ouro no Mundial. O atleta, que recentemente se juntou ao time de André Galvão, busca repetir as glórias obtidas no Juvenil.

13 – Raul Basílio (Atos – Almeida Jiu-Jitsu)

Categoria: Pluma

Instagram: @raulbasilioo

Medalha de ouro no Pan de 2018, Raul Basílio tem sido uma grata surpresa dentre os faixas roxas. Com uma guarda bastante ágil, o irmão de Bia Basílio vem disposto a repetir o feito da irmã mais velha, que foi campeã mundial na faixa roxa em 2014 e 2015.

14 – Guthierry Barbosa (Carlson Gracie)

Categoria: Leve

Instagram: @guthierry_barbosa

Representando a tradicional equipe Carlson Gracie, Guthierry Barbosa chega ao seu segundo mundial a faixa roxa respaldado pelas conquistas obtidas no Europeu e no Brasileiro desse ano. Apesar de fazer parte de uma das categorias mais difíceis do Jiu-Jitsu, o aluno de Juan Lopes possui as ferramentas necessárias para chegar ao ouro.

15 – Mathias Luna (Checkmat)

Categoria: Pena

Instagram: @mathias_luna

Campeão Europeu e do World Pro, Mathias Luna vem para o seu segundo mundial como faixa roxa. Mathias começou sua jornada no Jiu-Jitsu com os irmãos Barreto, na Checkmat Natal – Rio Grande do Norte. Atualmente, Mathias se mudou para a Califórnia com o seu irmão Matheus, onde treinam com Ricardo Pantcho e Lucas Leite.

  • Gabriel Almeida

    Guilherme Bacha – Checkmat. Double gold esse ano. Aguardem.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com