Home / Destaques / Jaime Canuto vence Rio BJJ Pro, garante 4 mil reais e vibra: “Estou mais confiante”

Jaime Canuto vence Rio BJJ Pro, garante 4 mil reais e vibra: “Estou mais confiante”

Créditos: Black Belt Squad / IBJJF

Motivado e confiante por conta das recentes conquistas, Jaime Canuto voltou a vencer novamente um torneio da IBJJF. No último fim de semana, na Tijuca, Rio de Janeiro, o faixa-preta da GFTeam foi o melhor atleta do peso médio no Rio BJJ Pro, ao vencer Celsinho Venicius (Ryan Gracie), tricampeão mundial de Jiu-Jitsu, por três vantagens, depois de empatar em 2 a 2 nos pontos.

“Eu consegui derrubar, e chegar duas vezes na lateral, foi quando recebi as vantagens. Depois, tentei atacar o pé”, explica Jaime, antes de analisar a luta, na sua visão.

“Celsinho é um cara que dispensa apresentações. O cara é muito sinistro, já tem toda uma história dentro do esporte. Acho que a estratégia que deu certo, eu comecei na frente e consegui administrar a luta. Neste campeonato, fui mais estratégico que o normal. Normalmente, gosto de ir pra mão. Minha estratégica foi começar na frente e esperar meu oponente errar. Eu estava esperando um erro para contra atacar e sair com a vitória, que é o mais importante”.

Além da medalha dourada, Jaime acumulou pontos no ranking e levou para casa um cheque de 4 mil reais, premiação dada pela IBJJF durante o Rio BJJ Pro. A profissionalização do esporte segue em passos largos. Para Jaime, profissional do Jiu-Jitsu, isso é algo importante para a carreira de todos que vivem do esporte.

“Sem dúvidas é muito importante. Esses eventos profissionais da IBJJF estão, sem dúvidas, começando a ajudar os atletas. Eu sou um que sou motivado com a competição normal, e quando se tem uma premiação a motivação é maior ainda. Acredito que, em 2 anos, vamos ter premiações melhores e mais eventos como esse. Vai ser muito mais forte. Muitas coisas estão mudando e melhorando no Jiu-Jitsu”, comenta Jaime.

Atual campeão brasileiro peso médio e campeão de diversos opens da IBJJF em 2017, Jaime revelou um de seus segredos mais poderosos: sua parte mental. A seguir, ele conta como vem moldando a arte de ser forte mentalmente.

“A minha parte mental está cada vez mais blindada. Estou confiante. Cada vez que eu entro para lutar e saio com resultado positivo, eu vejo que é questão de tempo para eu conquistar meus objetivos. Isso acontece nas derrotas também… É importante saber tirar o aprendizado dessas derrotas. Vitória é vitória. E quem não gosta de ganhar? Ninguém entra naquele quadrado querendo ser o segundo. Vitórias em grandes eventos faz toda uma diferença na vida de um atleta, traz mais confiança, mais vontade de continuar trabalhando duro, seminários, patrocínios e por aí vai. Estou cada vez mais me sentindo melhor”, encerra o campeão.

 

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com