Home / Colunas / BJJF Entrevista / Faixa-marrom Pablo Mantovani conta como venceu a seletiva para o ADCC: “Meu Jiu-Jitsu é de fases”

Faixa-marrom Pablo Mantovani conta como venceu a seletiva para o ADCC: “Meu Jiu-Jitsu é de fases”

Foto: Santo Negro / ADCC

Aos 21 anos, um faixa-marrom de Jiu-Jitsu foi dominante durante a seletiva do ADCC, realizada no último fim de semana, em São Paulo. Trata-se de Pablo Mantovani, atleta da Atos moldado pelo professor Guto Campos, no Rio Grande do Sul. A peneira reuniu atletas de todas as faixas.

Depois de vencer quatro lutas intensas, o jovem carimbou o passaporte para lutar no palco principal do ADCC 2017, programado para setembro, em Helsinque, Finlândia. Na disputa pelo primeiro lugar da categoria até 66kg, Pablo finalizou Henrique Gomes (Nova União) num justo estrangulamento pelas costas, como ele mesmo detalha.

“Meu Jiu-Jitsu é de fases, há momentos em que só quero fazer guarda e em outros só passar. Acredito que, para um atleta ser o melhor, ele precisa jogar bem em todas as áreas. Contra o Henrique, estava trabalhando intensamente por baixo ataques nos joelhos e nos pés, mas ele estava defendendo bem. Quando começou a valer pontos, subi e impus meu jogo de passagem. Por cima, grampeei a meia e fui ganhando a passagem. A partir desse momento, encaixei o katagatame e obriguei o adversário a dar as costas. Então notei que ele estava deixando o pescoço aberto e aproveitei para encaixar o mata-leão”, comenta Pablo, que treina Jiu-Jitsu há 13 anos, desde os 8 anos de idade.

Questionado sobre os adversários que deve encontrar na categoria até 66kg do ADCC 2017, que tem Rubens Charles “Cobrinha” como atual campeão, ele mostrou motivação para os desafios que o esperam.

“O Rubens tem um dos melhores Jiu-Jitsu no peso até 66kg. A categoria conta com atletas duros e experientes, mas eu me preparei muito tempo para enfrentar esses adversários. Será uma honra lutar com grandes atletas, isso só vai fazer meu Jiu-Jitsu evoluir”, diz Pablo, que tem seu próprio professor e Keenan Cornelius como inspirações.

Na faixa-marrom, Pablo já conquistou o Mundial Sem Kimono, o Nacional Americano com e sem kimono e diversos opens de Jiu-Jitsu, todos pela IBJJF.

 Veja o estilo do campeão:

 

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com