Home / Top News / Carlos Gracie: “Jiu-Jitsu sem kimono pode ser tudo, menos Jiu-Jitsu”

Carlos Gracie: “Jiu-Jitsu sem kimono pode ser tudo, menos Jiu-Jitsu”

O livro Carlos Gracie – O Criador de uma Dinastia, publicado pela editora Record em 2008, foi escrito por uma das filhas do falecido Grande Mestre, Reila Gracie (mãe de Roger Gracie).

O objetivo do livro é mostrar o “outro lado” da história da família Gracie. Este lado que discorda da versão dada por Rorion Gracie, que defende que seu pai, Grande Mestre Hélio Gracie foi o responsável por aperfeiçoar o Jiu-Jitsu introduzindo alavancas. Na época o livro gerou bastante polêmica na comunidade brasileira de Jiu-Jitsu.

Um trecho do livro é bastante interessante. O co-fundador do Jiu Jitsu Gracie/Brasileiro faz a seguinte declaração:

No meu entender, jiu-jítsu sem quimono pode ser tudo, menos jiu-jítsu. ”

Para a grande maioria dos praticantes da arte suave, Jiu-Jitsu é primariamente de kimono, mas mesmo tirando o kimono ainda assim é Jiu-Jitsu, sendo chamado de Jiu-Jitsu sem kimono (ou No Gi). Não é lá uma boa ideia dizer que um praticante de Jiu-Jitsu está praticando Luta Livre quando ele tira seu kimono.

Josh Barnett, oriundo do Catch Wrestling mas que também é um faixa-preta 2º grau em Jiu Jitsu, compartilha da mesma opinião do GM Carlos Gracie, como recentemente declarou em entrevista com MMA Fighting’s Luke Thomas:

Para mim Jiu-Jitsu é de kimono. Sem kimono pode ser qualquer outra coisa que não Jiu-Jitsu. Quando se trata de uma situação sem kimono, lutarei catch wrestling.

carlos-citado

  • Vinícius Figueiredo

    Então o homem que ensinou Jiu Jitsu para ele ensinou tudo menos Jiu Jitsu? O Maeda lutava sem kimono também.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com