Home / Competições / Brasil / Brasileiro CBJJ: Gabriela Fechter e Mayara Oshi fecham o absoluto roxa; Irmãos Munis dominam na faixa azul

Brasileiro CBJJ: Gabriela Fechter e Mayara Oshi fecham o absoluto roxa; Irmãos Munis dominam na faixa azul

Começou ontem para os adultos o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu CBJJ, que quebrou o recorde de maior campeonato da arte suave na história com mais de 5700 inscritos. No primeiro dia, lutaram faixas brancas (masculino e feminino), azul (masculino) e roxa (feminino), tanto na categoria quanto no absoluto (exceto pela faixa branca, que não possui absoluto).

Entre as faixas roxas, Gabriela Fechter e Mayara Oshi da Checkmat foram os grandes destaques.

Gabriela vem em uma fase excelente, e já havia faturado 8 medalhas de ouro pela CBJJ/IBJJF apenas no mês de abril (peso e absoluto com e sem kimono no Rio Fall e Floripa Fall). No Brasileiro nao foi diferente, e a pupila de Rico Vieira faturou o peso pena vencendo na final Mariana Oliveira (Alliance), e no absoluto superou Rebeca Reinjak (Bonsai) nas quartas e Stephanie Nakamura (NS Brotherhood) na semifinal.

Do outro lado da chave, sua colega de equipe Mayara Oishi, que já havia faturado o ouro no Pesadíssimo após derrotar Heloísa Rodrigues (Alliance), venceu mais uma das favoritas, Izadora Silva (NS Brotherhood), na semifinal do absoluto.

Gabriela e Mayara optaram por não lutar a final, e o título oficialmente ficou com Gabriela.

Há uma semana, nós do BJJ Fórum apontamos os irmãos Erich, Anderson e Alex Munis como promessas da arte suave neste artigo. E ontem dois deles, Erich e Anderson, mostraram que tínhamos razão em apostar neles. Erich faturou o peso Meio Pesado, enquanto Anderson foi o campeão entre os Pesados.

Pela semifinal do absoluto, Erich venceu mais uma vez o duríssimo Pedro Henrique Souza (Gordo JJ), repetindo a semifinal do Meio Pesado, em uma das melhores lutas do dia.

Do outro lado da chave, seu irmão Anderson passou pelo mais novo prodígio de Cícero Costha, Diego “Pato” Oliveira, que havia faturado o Peso Pluma. Apesar da enorme diferença de tamanho entre os dois, a luta foi bastante equilibrada, com vitória de Anderson por 2 a 0.

Erich e Anderson então fecharam o absoluto azul, para alegria de Rodrigo Feijão, com Erich ficando oficialmente com o título. Hoje o terceiro irmão Munis, Alex, irá competir entre os roxas e tentar levar mais dois ouros para a família.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com