Home / Colunas / Review Kimono: Industria Let’s Roll

Review Kimono: Industria Let’s Roll

By foristas Tupet e Hall

KIMONO INDUSTRIA LET’S ROLL

lets roll

Sobre a marca: O site www.industriabjj.com se especializou na venda de kimonos pela internet de marcas gringas famosas de difícil acesso ao brasileiro, seja pelos altos impostos ou pelo alto tempo de importação. Com o sucesso das vendas confeccionaram seu próprio kimono e fomos brindados com a primeira experiência da marca o Let’s Roll.

Dados do kimono:

Material da jaqueta: algodão trançado

Material da calça: algodão com reforço nos joelhos

Cor disponível: Branco, Preto e Azul

Tamanhos disponíveis: A1/A2/A3/A4

Medidas da jaqueta do kimono A1:

Medidas do Kimono

Medidas do Kimono

Medidas do kimono

Medidas do kimono

Impressões: A marca é nova no mercado, mas surge com estilo. O Kimono Indústria Let’s Roll é leve e maleável, ótimo trançado e bem ajustado ao corpo. Com gramatura de 450gsm, e trançado simples, oferece excelente conforto e movimento. Há costura reforçada nas partes de maior desgaste, e a gola é em EVA.  Bonito, com um visual limpo, possuindo apenas três detalhes no paletó (o símbolo da marca no braço direito, um patch no ombro esquerdo e a frase “Let’s Roll” na parte inferior), foi alvo de muitos comentários positivos quanto à sua beleza. A calça é de algodão, com reforço nos joelhos e segue a linha “light and clean” da jaqueta. Um detalhe é a corda da calça, varia com o gosto do usuário, mas me agrada ela ser elástica e redonda, ao contrário da maioria, chapadas como um cadarço.  Tenho 1,71m e 74kgs e o modelo A1 serviu-me perfeitamente. Notei pouquíssimo encolhimento após a primeira lavagem (água fria e nada de secadora). Gostei demais do seu ajuste, sem sobras e bem rente. O curioso é que creio que serviria alguém até um pouco mais alto e pesado do que eu. Em condições normais, há uma relação contrária entre durabilidade e leveza. Mais de um, indica menos de outro. Apesar de extremamente confortável, ele não abdica da qualidade e reforço para um kimono com essas características.

Detalhes do kimono:

Jaqueta aberta

Jaqueta aberta

Detalhe do ombro

Detalhe do ombro

detalhe da  jaqueta

detalhe da jaqueta

Detalhes da manga

Detalhes da manga

Detalhe da calça

Detalhe da calça

  • Conrado

    Eu encontrei hoje esse kimono em uma rapida busca na internet, me agradou muito o visual do kimono (limpo) e o reforço extra no cordão da calça (dois passantes ao invés de um só).
    Em outros sites, vi algo relacionado desse kimono e a shoyoroll. será a fabricação deste feita pela shoyoroll? tem alguma informação a respeito?
    Em comparação ao Koral Classic, esse kimono parece ser mais forte no tato?
    Obrigado!
    Abraço

    • Hallan Alencar

      Conrado,

      o corte é parecido com o Shoyoroll, e a industria vende shoyoroll no seu site. Mas não tem nada a ver com a marca.

      Ao tato é um pouco mais macio e mais fino que o koral classic, mas a calça é mais reforçada.

      O tamanho não é padrão Koral, parece mais os da Atama (paletó).

      espero ter ajudado

      Hallan

  • Rafaela Bertolini

    Vi esse Kimono na internet. Sou mulher, tenho 1,63 e 46 quilos. Sera que o A1 dele fica bom em mim? Eu tenho pernas e braços maior que o que é normal para uma pessoa da minha altura. Eu usei um Atama de um primo, mas claro que ja tinha um certo encolhimento(era branco), e o dele ficou bom em mim (claro que sobra um pouco de pano pois sou bem magra.

  • Joel Kesher

    Considerando que esse review já tem quase 4 anos, gostaria de atualizar as informações baseado na compra que eu fiz deste mesmo kimono mas na versão preta:
    Prós:
    – O kimono mais bonito e minimalista que eu já tive: de bom gosto e com detalhes que reforçam o visual mas deixam espaço pra quem quiser colar patchs de patrocinadores ou da academia;
    – Leveza: não trava os movimentos de forma alguma, não pesa no corpo e pra quem tem brigas com a balança, pode ajudar nos campeonatos;
    – Durabilidade: comprei o kimono há mais de 1 ano e ele não apresenta sinais de desgaste (apesar de eu usá-lo pouco pq acho ele muito bonito pra bater no dia a dia)
    – Reforços nas áreas de maior desgaste
    – Calça com reforços

    CONTRAS:
    – Pra quem gosta do kimono sempre novo, não recomendo o preto. O meu já está desbotado, dando um aspecto batido. Eu não ligo, mas tem gente que se incomoda;
    – Ajuste: o kimono me parece um pouco grande. Tenho 1,79m e 70kg, a calça fica perfeita, o wagi um pouco grande. Sobra tecido algumas vezes
    – Leveza: o que pra mim é um ponto bom, talvez para quem é maior seja ruim, não tenho tanta segurança de que uma pessoa com mais de 90 kg ou que treine com oponentes pesados e que fazem muita força vai ter o kimono por um bom tempo sem rasgar.

    Veredito: uma excelente opção. Acho que vale muito a pena. Sou adepto das marcas independentes e gosto delas crescendo e fazendo frente às grandes empresas, inclusive sendo melhor que muita coisa por aí com grife alta e qualidade mediana. A Let’s Roll tem tudo o que eu procuro num kimono: design, leveza e um bom custo-benefício.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com