Home / Competições / Brasileiro 2019: Nicholas Meregali e Bia Mesquita faturam o ouro duplo e levam ótima premiação para casa

Brasileiro 2019: Nicholas Meregali e Bia Mesquita faturam o ouro duplo e levam ótima premiação para casa

Domingo de muita ação e muito Jiu-Jitsu no Ginásio Poliesportivo José Correa. Os faixas pretas entraram em ação para o último dia de competições na faixa preta. O Brasileiro 2019 entra para a história como o campeonato em que alguns favoritos, que pareciam invencíveis, tiveram seu dia de dissabor e derrota. Confira tudo que rolou no último dia de competições:

Masculino: Meregali fatura ouro duplo para Alliance após desclassificação de Rudson por falta de combatividade

 

No masculino, Nicholas Meregali (Alliance) foi o grande destaque do último dia de competições. O aluno de Mário Reis começou o dia vencendo Hugo Leonardo (ZR Team) por finalização (Estrangulamento), em luta válida pelas quartas de final da categoria Super-Pesado. Na semifinal, o gaúcho teve um combate bastante difícil contra Rodrigo Ribeiro (G13), onde saiu vencedor por uma vantagem a zero. Essa vitória o credenciou para a final da categoria contra Fellipe Andrew (Zenith). Na final, Meregali venceu Andrew por finalização (Estrangulamento) e garantiu o primeiro ouro do dia.

Na Final do absoluto, Meregali enfrentou Rudson Mateus, um duelo que acontecia com certa frequência na faixa roxa. Após abrir 5 x 0, Meregali começou a administrar o ritmo da luta. Entretanto, Rudson foi tomando sucessivas punições por falta de combatividade e acabou estourando o limite de punições, sendo desclassficado do combate de dez mil reais. Com os dois ouros, Meregali leva para casa a premiação de 17 mil reais, inaugurando a era do Jiu-Jitsu remunerado na CBJJ. Confira os resultados das finais do Masculino.

Galo

Cleber Clandestino (Almeida Jiu-Jitsu)  venceu Rodnei Junior (Qatar BJJ) por 4 x 2.

Pluma

Hiago George (Cícero Costha) venceu Alex Sodré (Nova União) por quatro vantagens a um.

Pena

Isaac Doderlein (Alliance) venceu João Paulo Gonçalves (Alliance) por finalização (estrangulamento).

Leve

Ygor Rodrigues (Marcio Rodrigues) venceu Matheus Costa (GFTeam) por 2 x 0.

Médio

Otavio Sousa (Gracie Barra) venceu Claudio Calasans (Atos) por desclassificação.

Meio pesado 

Rudson Mateus (Caio Terra) venceu Henrique Cardoso (Ceconi KMKZ) por finalização (Armlock).

Pesado

Alliance fechou a categoria com Dimitrius Souza e Vinicius Trator

Super-Pesado

Nicholas Meregali (Alliance) venceu Fellipe Andrew (Zenith) por finalização (Estrangulamento).

Pesadíssimo

Duzão Lopes (Guigo Jiu-Jitsu) venceu Felipe Bezerra por finalização (Estrangulamento).

Feminino: Bia Mesquita segue implacável e conquista peso e absoluto do Brasileiro

No feminino, Bia Mesquita confirmou o seu favoritismo e com uma atuação excelente, venceu o peso médio feminino e o absoluto, faturando além do ouro duplo, a premiação de 13 mil reais. Na final do peso médio, a atleta da Gracie Humaitá não tomou conhecimento de Renata Marinho (Alliance), e finalizou o combate com apenas um minuto de tempo decorrido.

No absoluto, foi a vez de Bia enfrentar Sábatha Laís (Ryan Gracie Team), que havia perdido a final do meio-pesado para Rafaela Bertolot. Bia começou o combate com muito ímpeto e rapidamente pegou as costas de Sábatha, e a partir da posição de domínio, aplicou um justo estrangulamento que fez com que a atleta da Ryan Gracie Team tivesse que dar os três tapinhas. Uma semana após conquistar o World Pro, Bia Mesquita confirmou a sua rotina dourada. Confira as outras categorias e suas respectivas vencedoras.

Pluma feminino

Dyna Rodrigues (Castro Team) venceu Mayssa Bastos na decisão dos juízes.

Pena feminino

Ffion Davies (ECJJA) venceu Ana Carolina Schmitt (Nova União) por finalização (Estrangulamento).

Leve feminino

Bia Basilio (Alemida Jiu-Jitsu) venceu Luciane Silva por finalização (Chave de pé).

Médio Feminino

Bia mesquita (Gracie Humaita) venceu Renata Marinho por finalização (Armlock).

Meio-Pesado Feminino

Rafaela Bertolot (GFTeam) venceu Sabatha Lais (Ryan Gracie Team) por 4 x 0.

Pesado

Fernanda Mazzelli (Striker Jiu-Jitsu) venceu Claudia do Val (Delariva) na decisão dos juízes.

Super-Pesado

Carina Santi (G13) venceu Izadora Silva (Qatar BJJ) por finalização (Katagatame).

PEsadíssimo

Gracie Barra fechou a categoria com Jessica Flowers e Joaquina Silva.