Home / Competições / Kasai Grappling chega a Dallas com grandes nomes no card

Kasai Grappling chega a Dallas com grandes nomes no card

O Kasai Grappling inicia o ano de 2019 com um card recheado de grandes nomes. A primeira edição fora de Nova York conta com Gordon Ryan como principal expoente. O novaiorquino enfrentará João Gabriel Rocha (Soul Fighters), que contará com o apoio da torcida presente no Bomb Factory, em Dallas.

Ao contrário das edições anteriores, onde havia um GP com oito participantes divididos em dois grupos, essa edição do Kasai Super Series terá apenas lutas casadas (Tanto de kimono, quanto submission). As regras das lutas de kimono serão as mesmas da IBJJF, enquanto que as lutas sem kimono serão nas regras do Kasai, onde uma tentativa de finalização vale um ponto, ao invés de uma vantagem.

O evento será transmitido na íntegra pelo Flograppling, com o card principal começando a parir das 22h (Horário de Brasília). Confira uma análise das lutas do card principal.

Gordon Ryan (Team Renzo Gracie / Danaher Death Squad) x João Gabriel Rocha (Soul Fighters)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos + 5 minutos de prorrogação)

No evento prinicpal da noite, Gordon Ryan enfrentará João Gabriel Rocha em sua segunda aparição. Na primeira edição, o novaiorquino venceu Yuri Simões. No mês passado, Gordon foi campeão peso e absoluto do Mundial NOGI, provando que pode se adaptar a qualquer tipo de regra. Enquanto Ryan se manteve ativo durante o ano, João Gabriel não teve a mesma frequência competitiva. O faixa preta da Soul Fighters lutou pela última vez no ACBJJ 14, em julho de 2018. O período fora de combate pode ser um fator complicador para o brasileiro.

Renato Canuto (Checkmat) x Márcio André (Nova União)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos + 5 minutos de prorrogação)

Dois jovens com um Jiu-Jitsu empolgante e de alto nível. Assim podemos definir Renato Canuto e Márcio André, que irão fazer a luta co-principal do Kasai Super Series. Os dois atletas se enfrentaram no PAN 2017 e a vitória foi para Marcinho, que venceu Renato por 6 x 4 na ocasião. Após quase dois anos da primeira luta, o panorama mudou bastante. Renato Canuto é detentor de dois cinturões do evento (Leve e Meio-Médio). Tal fato, somado a familiaridade com as regras do evento, atribuem a Canuto um pequeno favoritismo. Entretanto, não devemos desprezar Márcio André, que tem como um dos principais títulos, a conquista do GP NOGI do ACBJJ.

Matheus Lutes (Alliance / Marcelo Garcia Academy) x Dante Leon (GFTeam)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos + 5 minutos de prorrogação)

O faixa marrom Matheus Lutes vem conquistando seu espaço no cenário do NOGI. O aluno de Marcelo Garcia foi campeão peso e absoluto do Mundial NOGI e também conquistou o bronze no GP Meio-Médio do Kasai. Para enfrentar Lutes, Dante Leon foi escalado para substituir o experiente Vagner Rocha. O canadense conquistou o bronze no último Mundial NOGI e promete ser uma pedra no caminho do aluno de Marcelo Garcia.

Andressa Cintra (Gracie Barra) x Jessi Swanson (Soul Fighters)

Regra: IBJJF

Em um dos muitos combates femininos que acontecerão no card, Andressa Cintra enfrentará a texana Jessi Swanson. Desde que recebeu a faixa preta, Andressa não tem conseguido obter os resultados conquistados na faixa marrom. Esse combate será mais uma oportunidade para que Andressa mostre seu potencial, porém a vitória não será fácil, já que sua adversária, Jessi Swanson, é a favorita no combate. A aluna de Rafael Formiga vem de um longo período de treinamentos no Brasil, na academia de Leandro Tatu. Nesse período no Brasil, Jessi disputou alguns campeonatos, conquistando algumas medalhas de ouro.

Tom De Blass (Ocean County BJJ / Danaher Death Squad) x Bruno Bastos (Bruno Bastos Academy)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos + 5 minutos de prorrogação)

No duelo entre veteranos, Tom de Blass e Bruno Bastos reeditarão o confronto que aconteceu no ano passado. Na ocasião, o brasileiro radicado no Texas venceu o duelo, e abriu 2 x 0 no placar. O combate promete ser disputado,e Bastos possui uma pequena vantagem em relação ao americano.

Aaron “Tex” Johnson (Unity) x Ricardo “Demente” Abreu (Ricardo Abreu BJJ)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos)

Atual detentor de uma das vagas para o ADCC desse ano, Aaron Johnson enfrentará o experiente Ricardo Demente Abreu. O aluno de Murilo Santana conquistou alguns títulos recentes, como o ouro no PAN NOGI após vencer Jackson Sousa. Esses resultados colocam o americano como favorito no combate.

Apesar de Demente ter grandes feitos na década passada, seu afastamento para se dedicar ao MMA, colocam-o na condição de azarão. Sua última aparição em um combate de Jiu-Jitsu foi em uma edição do F2W, onde perdeu para Léo Nogueira.

Raquel Canuto (Checkmat) x Chelsah Lyons (Marcelo Garcia)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos)

Lutadora do Invicta FC e competidora regular do circuito da IBJJF, Raquel Canuto tem amplo favoritismo sobre Chelsah Lyons. A havaiana possui as ferramentas necessárias para derrotar Chelsah e se sagrar campeã do combate.

Mike Medrano (Aesthetic Temple) x Alex Martins (Alex Martins BJJ)

Regra: NOGI – Regras do KASAI (10 minutos)

Faixa preta campeão do ranking da IBJJF na categoria master 2, Alex Martins possui amplo favoritismo sobre o ex-lutador de MMA, Mike Medrano. O manauara radicado no Texas possui ritmo de competição, sendo figurinha carimbada nos opens da IBJJF. Esse lastro competitivo fornece a Alex, o ritmo necessário para vencer a luta.

Rafael Formiga (Soul Fighters) x Lucas Valente (Gracie Barra)

Regra: IBJJF

Em um duelo de gerações, Rafael Formiga enfrentará o jovem Lucas Valente nas regras oficiais do Jiu-Jitsu. Formiga vem de um ano maravilhoso, onde conquistou o ouro duplo no Mundial Master,e de quebra, faturou o título de melhor faixa preta master 1 da temporada 2017- 2018 da IBJJF. Todas essas conquistas fazem de Formiga, o favorito contra Lucas Valente, que ainda busca seu lugar ao sol entre os faixas pretas.

 

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com